EDUCAÇÃO

A Kanimambo, pretende colaborar no processo de formação de uma nova consciência. Sabendo que, os professores são atores sociais privilegiados na inclusão dos alunos com albinismo, é crucial uma boa preparação a nivel de técnicas e ferramentas pedagógicas, conteúdos e informação, promovendo a empatia e a tolerância.

 

É essencial valorizar as capacidades individuais e promover a reflexão sobre a igualdade de deveres e direitos das Pessoas com Albinismo.

PRIMEIRA MISSAO DE EDUCAÇÃO

 

Em inícios de Março, a Kanimambo conjuntamente com a sua parceira local, Albimoz, desenvolveram a primeira acção de formação sobre albinismo em Moçambique, destinando-se a professores do ensino primário completo. A formação contou 20 professores pertencentes a 4 escolas da zona Zimpeto, arredores de Maputo, tendo afectado indirectamente cerca de 1200 crianças e jovens.


Na formação foram abordados temas como: "o que é o albinismo e a sua incidência no mundo", "como prevenir problemas oftalmológicos e dermatológicos", "os mitos e a verdade", e "direitos e deveres". 

Numa segunda fase os professores trabalharam com os seus alunos a temática do albinismo, dinamizando algumas atividades praticas muito interessantes. A formadora como previsto este presente em algumas dessas atividades.

Os professores, consideraram que a formação foi muito útil para a sua prática pedagógica originando pedidos de novas ações em diversos pontos de Moçambique.

A avaliação foi muito positiva e a Kanimambo espera, que esta seja a primeira iniciativa de muitas mais. 

© 2020. Kanimambo - Associação de Apoio ao Albinismo, ONGD